Dublin cathedral and medieval Dublin – Dublinia

 
Olá meus queridos! Como estão? Hoje escrevo-vos mais um post sobre a minha viagem a Dublin.
Hola! Que tal? Hoy os enseño más un post acerca de mi viaje a Dublin. 

No meu primeiro dia de viagem, depois de visitar a destilaria Jameson (post anterior)dirigi-me até à catedral da Santíssima Trindade, popularmente conhecida como Igreja de Cristo. É a mais antiga das 2 catedrais de Dublin e data de 1030. Inicialmente era toda em madeira mas foi destruída durante a conquista anglo-normanda e reconstruída posteriormente em pedra. Em 1562 a abóbada da catedral desmoronou, causando um grande dano em toda a ala sul da nave. A igreja foi totalmente restaurada entre 1871 e 1878, apenas. Até 1541 foi administrada por monges agostinianos. Desde então tem sido a sede da igreja católica Irlandesa em Dublin. É possível visitar o seu interior livremente por 7 euros ou com visita guiada por 11 euros.

En mi primer dia de viaje, después de visitar la destilería de Jameson (post anterior) fui hasta la catedral de la Santísima Trinidad, más conocida como Iglesia de Cristo. Esta es la más antigua de las 2 catedrales de Dublin y fui construida inicialmente en madera, en el año de 1030. Esta fue destruída durante la conquista anglo-normanda y después reconstruída pero ya totalmente en piedra. Sin embargo, en 1562 la cúpula de la catedral cayó y hizo un gran daño en la parte sur de la catedral. La iglesia fue totalmente restaurada posteriormente pero solo entre 1871 y 1878. Hasta 1541 fue administrada por monjes agustinos. Desde entonces es la sede de la iglesia católica Irlandesa en Dublin. Se puede visitar su interior livremente por 7 euros o hacer una visita guiada por 11 euros.
Mesmo ao lado, no Synod Hall desta mesma igreja, encontra-se a Dublinia, uma recriação da vida medieval de Dublin. Esta parte do edifício está conectada com a Catedral através da ponte arqueada que passa por cima da rua.
Mismo al lado, en la Synod Hall de esta misma iglesia, se encuentra-se la Dublinia, una recriación de la vida medieval de Dublin. Desde aquí se puede cruzar el puente por encima de la calle y llegar hasta la catedral.
Este museu interactivo mostra-nos toda a evolução da cidade de Dublin desde a invasão dos Vikings, vindos da Noruega, aproximadamente no ano 800, passando pela conquista normanda, em 1170, até ao final da idade média. Não se trata apenas de uma explicação teórica, com quadros e mapas. O Dublinia parece um parque temático, pois aqui se recria a vida cotidiana dos habitantes de Dublin ao longo dos tempos.
Este museu interactivo mostra-nos toda a evolução da cidade de Dublin desde a invasão dos Vikings, vindos da Nortuega, aproximadamente no ano 800, passando pela conquista normanda, em 1170, até ao final da idade média. Não se trata apenas de uma explicação teórica, com quadros e mapas. O Dublinia parece um parque temático, pois aqui se recria a vida cotidiana dos habitantes de Dublin ao longo dos tempos. 
Este museo interactivo nos enseña toda la evolución de la ciudad de Dublin: la invasión de los Vikingos en el año 800, la conquista normanda en 1170 y la edad média. Dublinia se asemeja a un parque temático pues aquí, además de mapas y cuadros con explicaciones teóricas, tenéis una recriación de la vida cotidiana de los habitantes de Dublin en el tiempo de los Vikingos.
Ficaram com vontade de visitar esta exposição e descobrir mais sobre o modo de vida dos Vikings?
Que tal? Tenéis muchas ganas de visitar Dublinia? Queréis saber más de como vivian las personas en la era de los Vikingos?
Kisses 😉

6 Comments Add yours

  1. Que legal, ficou super bem registrado a sua viagem. Mas de tudo o que eu não consegui tirar os olhos, foram dessas ruas, cadê o lixo?!?! Que cidade mais limpa!!! Até parecem q eles acabaram de limpar.

    Gostar

  2. Nossaa que massa!!!Também gostaria de ir a Dublin.O museu é muito top;Amei

    Gostar

  3. Dublin parece realmente encantador. Adorei as igrejas, mas esse museu interativo é imperdivel para quem tiver a sorte de ir a Dublin. Amei o seu post. A combinação das fotos com a descrição faz-nos fazer parte da sua viagem.

    Gostar

  4. Que lindo. Amei tudo, tenho muita vontade de conhecer Dublin. Bjs

    Gostar

  5. A cidade é linda! Eles não têm contentores do lixo. O único problema é ao final do dia pois as pessoas colocam o saquinho do lixo à porta e isso nas ruas mais pequenas é mais complicado. 😉

    Gostar

  6. Adorei este museu. Fico feliz que tenhas gostado do post! Tens de visitar Dublin! 😉

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s